Animes: Naruto - 611

Boas malta, já sabem, hoje é quinta-feira, é dia de fazer o resumo semanal dos últimos acontecimentos da manga de Naruto, que como sabem, vai mais adiantada que o anime. 

Portanto, continuando, na semana passada ficámos em stand by para saber se o ataque engenhoso do Hachibi ia sortir efeito ou não. 

Bem, lamento muito desapontar-vos, mas não fez efeito. Aliás, o Juubi devolveu o ataque ao Hachibi. Obito, num momento de distracção  a observar Naruto, consegue ver as semelhanças entre os dois, e pensa que Naruto é muito parecido com ele. 

Kurama e Hachibi começam a ficar cansados, e esgotados sem chakra, necessitam de tempo para recuperar, alertando Naruto e Killer Bee para fazerem o mesmo. Kakashi começa a perder a esperança e pensa que a batalha está perdida.

Todos pensam que Naruto vai usar novamente os seus clones e Madara diz-lhe que são inúteis, que vai simplesmente gastar chakra para nada e que são um bando de ninjas desordenados e incompetentes. Obito conclui que são shinobis inúteis e que um dia vão acabar todos como ele. Naruto irritado responde-lhe que não é como ele e que um dia será Hokage.

Juubi ataca novamente os nossos heróis mas falha o alvo e todos ficam pasmados sem saber o que aconteceu. Mas não falhou de propósito, a equipa de Hinata e Ino coordenou uma defesa perfeita. Todas as equipas, depois de cumprirem os seus objectivos, juntam-se aos nossos heróis mesmo a tempo. 

Naruto, Kakashi, Guy, Killer Bee, Kurama e Hachibi ficam rodeados de shinobis que regressam em seu auxílio. Naruto vê-se rodeado por todos os seus amigos e diz a Obito que não são uma multidão de shinobis desordenados, que são uma aliança. Diz-lhe que existe um jutsu, o mais poderoso que alguma vez existiu, que consegue ganhar ao Infinite Tsukuyomi, o Fuuton-Kazekiri No Jutsu.

A partir daquele momento, todos sentiram que ainda havia esperança que ganhar aquela guerra. Nós esperamos que sim. Não percam para a semana mais desenvolvimentos desta série. 

Fonte: Mangareader

Sem comentários:

Enviar um comentário

Enviar um comentário